Fale conosco

O que você está procurando?

Famosos

Tatá Werneck posta homenagem ao Paulo Gustavo

Tatá Werneck e Paulo Gustavo - Crédito: Reprodução/Instagram
Tatá Werneck e Paulo Gustavo - Crédito: Reprodução/Instagram

Tatá Werneck posta cliques ao lado do Paulo Gustavo e faz emocionante homenagem falando sobre o primeiro mês após morte de ator

Tatá Werneck usou suas redes sociais para fazer uma homenagem a Paulo Gustavo e falar sobre o primeiro mês sem o humorista. 

Primeiramente, Tatá fala sobre não acreditar que o ator faleceu e sobre ter impulsos rapidos para pegar o telefone para ligar pro ator. 

“Um mês sem você. E eu ainda tenho impulsos rápidos de pegar o telefone pra te ligar e saber o que você tá achando. Eu resolvi me recusar a acreditar que tudo aconteceu. Já que estamos todos afastados com pandemia, quando tudo voltar ao normal eu penso”, começou.

Assim, ela continuou falando sobre a saudade, como ela sente a presença do ator em seus projetos e também como ela sonha com Paulo toda noite.

“Estava muito insuportável imaginar que o cara mais genial que eu já conheci não tá aqui. Eu vejo seus vídeos e rio tanto. Você estará sempre aqui! Na sua família. Nos seus filhos. Nas obras que ajudou a construir. E na sua arte única! Suas personagens brilhantes. Você está aqui sim. E eu sonho com você todas as noites. Impossível escrever sobre você e não estar aos prantos. Eu te amo tanto”, completou Tatá.

Tatá Werneck e Paulo Gustavo - Crédito: Reprodução/Instagram
Tatá Werneck e Paulo Gustavo – Crédito: Reprodução/Instagram

Morte de Paulo Gustavo

O ator e humorista Paulo Gustavo não resistiu às complicações da Covid-19 e faleceu na terça-feira, 04/05. Ele estava com 42 anos e lutava contra a doença há quase dois meses.

Além disso, Paulo Gustavo estava internado desde o dia 13 de março. Durante os dias, ele sofreu agravamentos em seu estado de saúde, que era considerado grave. Assim, ele teve uma melhora no domingo, 02/05.

Então, horas depois ele teve uma piora repentina por causa de uma embolia gasosa disseminada, causada por uma fístula bronquíolo-venosa.

Por fim, Paulo Gustavo deixou dois filhos, Romeu e Gael, de quase dois anos, e o marido, o dermatologista Thales Bretas.